Tudo o que você precisa saber para apostar no Masters 1000 de Miami no Bodog.

Entre os dias 18 a 31 de março de 2019 acontece o Miami Open 2019. O torneio é um dos maiores da ATP e disputado pelos melhores tenistas do circuito mundial. E nesse ano, o famoso Hard Rock Stadium será o palco do megaevento.

No ano passado o diretor do torneio James Blake e a ganhadora de 32 Grand Slams Serena Williams (entre outros) foram contratados para abrir sua nova casa. O espaço novo e moderno tem 30 quadras para a prática, um oásis de televisão com a maior tela de todos os eventos de tênis do mundo e uma área especial para acomodar atletas e treinadores com todos os dispositivos necessários ao seu bem-estar físico. O torneio traz enormes lucros para a cidade, gerando um total aproximado de USD 386 milhões.

Como seu fundador queria, o Miami Open continua a ser uma potência no que diz respeito aos campeonatos mundiais, reunindo mais de 90 atletas que se enfrentam por 12 dias em busca dos 1000 pontos, ou melhor, dos US$ 13 milhões. Para além dos pontos obtidos pelo vencedor, os finalistas ficam com 600 pontos, os semifinalistas com 360, os que chegam nas quartas 180, R16 90, R32 45, R64 25, R128 10 e os que se classificam com 12 pontos. Isso torna o evento extremamente importante para os jogadores que procuram posicionar-se no ranking.

Os tenistas com mais vitórias totais são: Andre Agassi com 6, sendo três títulos consecutivos (2001, 2002 e 2003) e Novak Djokovic, também com 6 vencendo em 2007, 2011, 2012, 2014, 2015 e 2016. O sérvio é um dos favoritos este ano com sua recente vitória no Australian Open e atualmente é o número 1 do ranking mundial.

John Isner, o ganhador de 2018

O ganhador da última edição da ATP Miami foi o norte-americano John Isner. Hoje o atleta ocupa a 9º posição do ranking, a melhor de toda a sua carreira. O tenista de 33 anos é também conhecido por ter sido o ganhador da partida mais longa da história do tênis, sendo em Wimbledon de 2010, que Isner jogou durante 11 horas, 2 minutos e 23 segundos contra o francês Nicolas Mahut.

JA final de 2018, ele enfrentou o Alexander Zverev vencendo seu primeiro Miami Open e primeiro Masters 1000. Além disso, o americano foi por cinco anos consecutivos o número 1 do tênis americano, além de ter anteriormente um total de 12 títulos da ATP World Tour.

Djokovic-Nadal-Federer, favoritos deste ano

Este ano, além de Djokovic, a lista de jogadores que participam do torneio tem as estrelas Rafael Nadal (2), o finalista Zverev (3), Juan Martin del Potro (4), Kevin Anderson (5) Roger Federer (6), Kei Nishikori (7), Dominic Thiem (8), atual campeão Isner (9) e Martin Cilic (10). 19 dos jogadores que estarão na competição, somam 109 Grand Slams, lista que inclui o incrível trio mencionado anteriormente Djokovic-Nadal-Federer.

Há grandes expectativas e o público realmente espera que as três estrelas se cruzem. O vencedor de 17 Grand Slams, Rafael Nadal quer ficar com o torneio depois de três finais perdidas. Talvez este, seja o ano dele.

A aposta é: Djokovic e Nadal vão cruzar na final? O que você acha?

No Bodog viveremos uma batalha de tênis online na qual você poderá ganhar junto com seu jogador favorito, aposte agora!

Se você ainda não se registrou, pode fazê-lo já. É muito simples!

Desfrute de todo o tênis on-line e as infinitas oportunidades e recompensas. Para acessá-los, cadastre-se aqui, faça seu primeiro depósito e ganhe até R$ 200 de bônus.

Siga o Masters 1000 de Miami no Bodog e não perca a chance de apostar em quem vai fazer história nesse ano.